Aprenda fazer suculentas coloridas – Guia Atualizado ®【2020】

O Segredo de Como Fazer Tipos de Suculentas Coloridas.

Certamente você já navegou por aí e viu fotos maravilhosas de suculentas coloridas, vem aquela vontade de ter uma assim, ou saber como fazer para as suculentas ficarem tão coloridas.

É necessário viajar no mundo da imaginação para fazer as Suculentas Coloridas. Digo isso porque as plantas suculentas são verdadeiras inovadoras, para quem pretende dar aquele toque de charme e clorofila pela casa.

Afinal como fazer suculentas coloridas?

O que vamos te ensinar aqui é algo realmente incrível! Talvez em toda internet existam poucos sites que ofereçam esse conteúdo.

Então aproveite ao máximo, coloque em prática os truques que vamos ensinar aqui.

Realmente existem segredos para ter suculentas coloridas, eu vou apresentar nesse artigo todos os truques.

Amostra de suculentas

Clima influencia para ter suculentas coloridas.

Olha a primeira dica que vou dar é que tudo isso tem a ver com o clima, isso mesmo, depende muito do clima do ambiente onde estão essas suculentas.

Primeiramente vou falar para quem teve uma mudança de coloração, ficando frustrado e gostaria de não sofrer mais com isso ao comprar suculentas.

Ou seja, comprou aquela suculenta de cor verde vida, com passar dos dias viu a suculenta mudar de cor, ficando meio avermelhada.

como fazer suculentas vermelhas

Muita gente adquire plantas suculentas e na loja são lindas, enormes, cores vivas e notam que ao longo dos dias vão se tornando verdes e com alongamentos.

O fato de a suculenta perder a cor é exatamente por esse detalhe, aqui você vai saber como recuperar essa coloração.

Ao mudar de cor isso não quer dizer que sua planta esteja doente, embora não era isso que a gente esperava que ocorresse não e mesmo?

Fatores que fazem suculentas coloridas

Pois então, exatamente disso que vamos falar primeiramente, pois existem sim muitos fatores que contribuem para que ocorra esse tipo de transformação de cores.

Se você comprou uma suculenta verdinha, por exemplo, não sabe porque de uma hora pra outra mudou para tons avermelhados?

Nesse caso há pelo menos três situações que favorece essa mudança de cor, inclusive logo mais abaixo vamos mostrar que é esse mesmo método que vamos usar, para também fazer nossas suculentas coloridas.

Porque as suculentas mudam de cor

Então porque minha suculenta muda de cor? Acompanhe pelo menos três fatores que contribuem para isso. Fique atento pois é exatamente esse processo que vamos usar para também alterar as cores de outras suculentas.

  • 1- Exposição de luz: Como as suculentas são plantas de origem desérticas, ou seja, sua natureza já vem com esse tipo de resistência ao sol, a maioria delas tende a suportar várias horas em pleno sol.

Mas manter as suculentas em longo período de tempo no sol, torna-se um dos motivos para que estejam mudando de cor, ou fiquem com as pontas em tom vermelho.

  • 2-Manutencao e rega: Quando você manter sua suculenta com boa frequência de rega, não corre o risco de ter o chamado estresse hídrico.

Oque é isso? Trata-se de um extenso tempo em que sua planta fica sem água, com o solo seco.

Conselho é regar menos, mas não pode esquecer a planta e com certeza alguns tipos de suculentas podem murchar facilmente, secando as folhas.

Veja que esse é algo que resulta nessa mudança de cor, quando as suculentas passam por grandes períodos de estresse hídrico em sol pleno.

  • 3- Plantas sob as temperaturas baixas: Um dos motivos que ocorre o estresse hídrico na planta, quando fica exposta ao frio. Nas regiões onde existem climas fortes de inverno principalmente.

Os dias geralmente ficam bem secos, onde os dias são mais ensolarados e as pessoas não cuidam muito de regar a planta.

Mas tome muito cuidado ao manusear sua planta, pois esses detalhes de rega, exposição de luz, são vitais para a suculenta.

Se não souber lidar com esses fatores, pode sim matar sua planta!

Mudança de cor da suculenta de maneira gradativa

Ao observar que está ocorrendo alguma mudança de cor, trate a planta com muita paciência, não queira resolver nada de imediato. Tudo é um processo que deve ser feito com atenção.

Por exemplo tirar sua planta de um ambiente interno, onde ela já está acostumada aquele clima, em seguida colocar no sol pleno, isso pode ocasionar em murchar e morrer.

Faça dessa maneira, coloque gradativamente a planta ao sol, em princípio o melhor é deixá-la perto da janela, passado algum período vai colocando em um local que pegue 1 ou 2 horas de sol por dia.

Afinal qual o segredo para ter suculentas coloridas?

Como já mencionamos a cima, a maneira que utilizamos para de alguma maneira, forcar a planta mudar as cores é exatamente leva-la ao estresse.

Mas como assim? Vou adoecer minha suculenta?

Calma! Não é bem assim fácil e muito menos vamos fazer nossa suculenta sofrer!

Porque uma suculenta muda de cor ao sofrer estresse?

Algo que inicialmente precisamos aprender, que o estresse leva as suculentas a uma transformação e assim ocorra a mudança de cor.

Mas deve ser feito com cuidado e responsabilidade, coisas muito importantes para se ter o melhor resultado com suas plantas.

Fazer esse tipo de processo de uma mudança na cor da planta, deve ser de maneira a colorir sua suculentas sem prejudicá-las.

Quando as suculentas passam por esse estresse que estamos falando, elas aumentem a produção de antocianinas e carotenóides.

O que são esses elementos? São exatamente os pigmentos que a planta tem em sua genética que atuam como protetor.

Essa é uma proteção contra os danos que ela venha a sofrer, por conta das alterações na iluminação, quantidade de água e também temperatura do local.

Por isso elas produzem mudanças de cores vibrantes, onde tais mudanças que provocamos intencionalmente vai influenciar, resultando em suculentas muito coloridas.

O que fazer para ter suculentas coloridas?

Essa é uma pergunta que somente é respondida se fizermos a coisa certa, pois para termos suculentas coloridas, também devemos buscar manter elas sempre saudáveis ​​e vivas.

Como já falamos no início devemos levar nossa planta a um estresse lento, afinal se exagerarmos na dose, nossas suculentas podem passar por estresse excessivo de modo rápido, sendo algo bastante prejudicial.

O modo correto de ter um resultado gratificante, seria efetuar a mudança das estacoes de modo natural.

Isso inclui a questão da iluminação, fator de extrema importância nesse tipo de processo. Fazendo isso de maneira gradativa, imitando a forma natural da planta.

Estresse ambiental muda a cor da suculenta

Prejudicar a planta que você tanto gosta, só para ver ela de outra cor, seria no mínimo uma covardia com a natureza. Então siga tudo com moderação para que o resultado final seja satisfatório.

Note que o estresse que ocorre com a indução a uma maior produção de antocianina, traz exatamente essa coloração da planta, onde o que envolve é uma série de condições naturais provocadas manualmente.

Desde a criação é esse tipo de condições que qualquer planta ou ser vivo sofre, se adaptando e desenvolvendo suas próprias estratégias para estar vivo diante do estresse ambiental.

Um conselho que vou dar é que primeiramente, escolha plantas suculentas que possam responder com eficácia a esse estresse. São plantas que em sua raiz já possui características assim.

A dica de ouro é essa, vai pelo nome da planta suculenta como por exemplo:

  • Sedum Adolphii
  • Blue Ruffles
  • Echeveria
  • Golden Glow

Esses tipos de suculentas em essência de cores, que se adaptam bem a essa brusca mudança de clima.

Como colorir suas suculentas de maneira natural

veja como fazer suculentas coloridas

Seguindo o procedimento que ensinamos no início do artigo, agora vamos mostrar que levar a sua planta para uma exposição ao sol, seria a maneira mais rápida de estressar.

Na verdade, o que vamos estar fazendo é como se imitássemos a própria natureza.

Isso mesmo, fazer as mudanças das estações como ocorre naturalmente. Ao fazer essas alterações de modo gradativo, levara a exposição solar para suas plantas sem prejudica-las.

Essa exposição inicial deve ser feita com muito cuidado, aumentando a exposição ao sol no máximo por até meia hora ao dia. Faça isso a cada três dias, observando se as plantas não terão alguma reação muito drástica.

Caso houver características onde as folhas estejam dobrando sob o caule, diminuindo a exposição solar. Isso demonstra que essa suculenta não pode ficar mais tempo ao sol.

Havendo esse tipo de comportamento no processo, deverá dar um prazo de tempo de uma semana, sem leva-la ao sol. Aguardando que ela se recupere novamente, para em seguida voltar a expor a mesma cada três dias.

As cores variam de acordo com o procedimento, então fique atento com a frequência de exposição sempre observando as alterações.

Repita o processo até chegar ao ponto que melhor lhe agrade. Em pouco tempo seguramente vai ter as suculentas mais belas e coloridas que sempre desejou.

Aprenda a cuidar de suas suculentas coloridas

Com cuidados simples e bem pouca água, os mais diversos tipos de suculentas coloridas são opções ideais para serem plantadas por qualquer um.

As mais verdinhas ou as exuberantes suculentas coloridas, estão todas na moda, vamos dizer assim.

Siga no passo a passo e transforme seu jardim, deixando ele mais lindo e variado do que nunca.

Vamos então ao que interessa, afinal você esta aqui para saber o Segredo de como cuidar de suculentas coloridas, tudo o que você precisa saber sobre elas.

Veja o que vai precisar para plantar e cuidar de uma suculenta colorida:

• Algumas mudas de suculentas coloridas
• Prepare uma bacia ou vaso
• Pedrinhas para jardinagem
• Terra
• Argila
• Areia

Qual é o Segredo das suculentas coloridas

Uma regra básica mas que em se tratando de suculentas vale a pena revisar, lembrando que todos os cactos são suculentas, embora nem todas as suculentas sejam cactos.

Colorir suculentas

Compreendo isso é fácil começar a tarefa e processo de dar cores as suculentas e fazer cactos coloridos.

No caso dos cactos, onde muitos deles não são basicamente um tipo que tenha aparência colorida, vamos precisar de realizar uma ação de enxerto.

Esse processo tem a capacidade de transferir parte colorida do cacto para uma base mais jovial e saudável, com isso ele ira ter mais fortalecimento.

Para as suculentas que lembrando de novo, não são cactos, vamos dar atenção mais para os tipos de suculentas que sejam conhecidas pela tonalidade, com ênfase nas que tem diferentes folhas.

Para facilitar segue uma lista das suculentas especies representativas

suculentas caquitos

Tipo de Suculentas Echeveria: Essas se destacam por variações entre as cores, predominam o verde claro com esbranquiçado e chegando ao roxo escuro.

As Echeverias são bem populares por se tratar de um gênero muito fácil para cuidar. Atenção para o detalhe em que quanto mais expostas ao sol, a tendência é que fiquem mais avermelhadas ou arroxeadas.

Gênero de Suculentas Sedum: As cores diferentes são um lado característico da Sedum. Temos os tipos: Sedum clavatum (esbranquiçada), Sedum compactum (amarelada), Sedum lydium (manchas vermelhas), Sedum cauticola (rosada), Sedum oreganun (folhas verdes brilhantes), Sedum pluricaule (bordas rosadas), Sedum lucidum (arroxeada), Sedum nussbaumerianu (pontas amarronzadas), e muitas outras que não conseguiríamos citar. Resistir a temperaturas variadas e fortes é um fator destacado dessas Sedum.

Tipo de Suculentas Crassula ovata: Conhecida carinhosamente pelo nome de ‘orelha de Shrek’. A Crassula Ovata apesar do apelido é muito charmosa dentre as espécies de suculenta. Ao crescer exposta a muita luz, apresenta a borda das folhas com tons arroxeados ou avermelhados.

Flor de Maio: Muito embora não parece mas a Schlumbergera truncata tem duas características interessantes. Primeiro que ela é uma suculenta e ao mesmo temo um cacto. Suas flores se destacam muito e fazem dela um espetáculo na natureza.

Aeonium leucoblepharum: Apesar do nome longo e complicado, essa planta é muito comum e tem a capacidade de receber uma boa quantidade de sol. Isso se torna essencial para que as suas folhas sejam vermelhas, podendo florescer na primavera com folhas entre amarelo e vermelho.

Gênero Graptopetalum: Suas folhas são o cartão de visitas dessa suculenta. Ela tem o poder de mudar de cor, variando em tons de verde, roxo e até vermelho vivo, isso vai muito conforme a exposição solar e época do ano.

Aprenda Como Plantar Suculentas Coloridas

Para ter sucesso nessa verdadeira missão, precisamos entender que o processo de cultivar suculentas é o mesmo de plantar suculentas normais.

O que temos que estar bem atentos seria em ter as mudas de suculentas coloridas bem saudáveis.